Blog do grupo de meditação e estudo do Dharma de Aveiro

Blog do grupo de meditação e estudo do Dharma de Aveiro

Grupo aberto a qualquer pessoa com interesse em meditação ou Budismo.

Reuniões semanais às segundas-feiras das 21:00 às 22:30 no espaço de Yoga Sita Rama, em Aveiro (ver Endereços).

As reuniões consistem numa sessão de meditação em silêncio (são dadas breves indicações quando aparece alguém sem experiência), seguida de estudo de material sobre meditação ou Budismo (textos, audio, vídeo ou apresentações de membros), reflexão conjunta sobre o material usado e conversa/partilha final.

Estudamos principalmente Budismo Theravada, mas não estamos ligados a nenhum mestre ou tradição religiosa. Procuramos focar no estudo e práticas do Budismo que podem servir a qualquer pessoa, independentemente da sua religião ou crenças.

O grupo reúne semanalmente desde Fevereiro de 2009, tendo começado por reunir no CUFC (Centro Universitário Fé e Cultura), na Universidade de Aveiro, embora apenas recentemente tenhamos começado a guardar registo da nossa atividade neste blog.

Meditação: Verdade

Olá amigos

A reunião de hoje vai ser moderada pelo António que propõe "a verdade" como tema:

"Vamos falar de "verdade". Vamos abordar questões que já talvez tenhamos colocado a nós próprios como por exemplo:
O que é a verdade?
Existirá verdade absoluta (ou universal)? 
Se não existir farão sentido os conceitos do bem e do mal?
Poderá a verdade ser entendida como uma perceção pessoal?"

O programa é então com usual:
  • Meditação em silêncio: 30 minutos
  • Apresentação do tema
  • Reflexão conjunta sobre o tema
  • Conversa/partilha
Abraços

Luís

--

Meditação: realidade e iluminação

Olá amigos

O reunião de hoje vai ser moderada pelo Luís Rodrigues, que propõe usarmos este vídeo como tema para a reflexão: Bem-vindo ao Mundo Real.

Programa:
  • Meditação em silêncio: 30 minutos
  • Vídeo
  • Reflexão conjunta sobre o tema
  • Conversa/partilha
Abraços

Luís


--

Meditação: Tantra, Tao e Budismo

Olá amigos

Proponho para amanhã alguns extractos do livro Tantra e Tao de Gilly Smith.

Um pequeno extracto sobre tantra: 

"O Tantra é um culto do êxtase, uma religião pessoal baseada na experiência mística da alegria, em lugar da imposição de dogmas[...] Os seguidores desta religião são antiascéticos: celebram a vida. Ensinam a descoberta do divino através da exaltação da plenitude do humano. Utilizam todos os sentidos, a mente e o espírito para atingir os estados de misticismo mais elevados."

É interessante que existe influência do Tantra no Budismo Theravada e apenas no século 19 foi incentivado o uso do Canon Pali como autoridade principal para as práticas monásticas no "Budismo Antigo". (https://en.wikipedia.org/wiki/Tantric_Theravada)

Temos ainda uma versão da história dos Provadores de Vinagre destinada a explicar ao urso Pooh, as diferenças entre o budismo, confucionismo e taoísmo. 

Abraços

Luís


--

Meditação: Compaixão e o verdadeiro significado de empatia

Olá amigos

A próxima reunião vai ser moderada pela Patrícia que propõe a palestra da Joan Halifax: Compaixão e o verdadeiro significado de empatia.

 

https://www.ted.com/talks/joan_halifax?language=pt

 

A roshi budista Joan Halifax trabalha com pessoas no último estádio de vida (no hospital ou no corredor da morte). Ela partilha o que aprendeu sobre a compaixão à face da morte e do ato de morrer, assim como algumas luzes sobre a natureza de empatia.

Programa:
  • Meditação em silêncio: 30 minutos
  • Vídeo
  • Reflexão sobre o tema do vídeo
  • Conversa/partilha
Bom fim de semana

Luís


--

Meditação: As Quatro Moradas Divinas por Ajaan Anan Akiñcano

Olá amigos

Completando o tema da semana anterior, vamos usar o pequeno texto de Ajaan Anan Akiñcano, sobre as quatro Moradas Divinas. 

Uma pequena parte:

"Refletir sobre as quatro moradas divinas, (brahma-viharas) - amor-bondade, compaixão, alegria altruísta e equanimidade - é um outro método contemplativo que traz grandes benefícios para o praticante. [...] Se persistirmos aplicando a atenção plena a esses pensamentos de amor-bondade, a mente se acalmará naturalmente e se unificará. À medida que formos experimentando a paz da concentração nos sentiremos descontraídos e felizes no nosso íntimo. A mente estará estável e calma. A partir desse ponto, a concentração e o amor-bondade progredirão de mãos dadas, já que nesse ponto ambos são quase a mesma coisa."


Vamos também utilizar novamente o EmWave2 para feedback na prática de meditação. O programa:
  • Meditação com feedback: 30 minutos
  • Leitura do texto
  • Reflexão sobre o texto 
  • Conversa/partilha
Abraços

Luís

--